(51) 3395 1166 | (51) 3395 2400

 

Novidades

Gene antienvelhecimento é identificado

Os seres humanos foram à procura de uma fonte da juventude por séculos. Na falta desta, procedimentos estéticos e produtos cosméticos se tornaram uma resposta comum para o combate do envelhecimento precoce. Enquanto ainda não se descobre uma fonte mitológica de antienvelhecimento, um gene antienvelhecimento que suprime tumores foi identificado. Tal descoberta permite envelhecer  na esperança de ter mais qualidade de vida.

Gene antienvelhecimento é identificado | Clínica Weiss | Hugo Weiss Dermatologista



O gene antienvelhecimento é conhecido como a proteína SIRT6. Sua presença no organismo não só ajuda a suprimir o câncer, como a falta ou a perda da proteína pode ter um efeito oposto. Pesquisas realizadas em laboratórios apontam que um rato sem SIRT6 pode ficar mais suscetível à doença. De acordo com uma pesquisa realizada pela Harvard Medical School e do Sistema Único de Saúde de Michigan, o tamanho do tumor pode aumentar de acordo com a perda da proteína. Perda de SIRT6 pode também tornar os tumores mais numerosos e agressivos no corpo. Os cânceres de cólon e pâncreas podem se alastrar quando o corpo perde a proteína.

A longevidade em ratos do sexo masculino tem sido associada com o gene de antienvelhecimento.  Mais estudos sobre a proteína podem fornecer os avanços da ciência e da estética, resultando em melhores recomendações dietéticas, produtos antienvelhecimento e procedimentos disponíveis para o público, e avanços no estilo de vida geral de modificação para uma vida mais longa.

Algumas das pesquisas sobre o gene antienvelhecimento indicam que a proteína pode oferecer proteção para os seres humanos contra o desenvolvimento da obesidade. Se a proteína seria útil ou não na luta contra tipos medicamente induzidos ou outros de obesidade, nós não sabemos. Estudos sugerem, no entanto, que a presença do gene dentro de mamíferos pode promover a proteção contra a obesidade causada por escolhas alimentares. Quaisquer outras conclusões que os cientistas relatam podem ajudar as pessoas na prevenção de ganho de peso, perda de peso, e superar inseguranças causadas pela imagem corporal.

As pessoas preocupadas com o processo de envelhecimento podem estar interessadas em saber que o novo gene pode servir como um agente para controlar o metabolismo celular. Como o dano celular é um componente chave nos sinais visuais de envelhecimento, qualquer proteína que funcione como um amortecedor contra danos e ajude na regulação celular pode ser extremamente benéfica para aqueles que procuram remédios antienvelhecimento, bem como a cura do câncer e outras condições. Futuras descobertas feitas a partir da pesquisa do gene poderiam ajudar os cientistas a retardar o processo de envelhecimento de forma eficiente.

Antigos exploradores à procura de uma cura para todos os problemas de saúde podem nunca ter sequer sonhado encontrar esta proteína nas suas próprias veias, mas novos desenvolvimentos científicos poderão prolongar a vida útil projetada de pessoas no mundo. A fonte desta longevidade pode estar no corpo humano em si. Conforme os pesquisadores descobrem como a proteína funciona e a implementam no campo da medicina, a humanidade pode desfrutar de uma vida ainda mais longa. 


Clínica Weiss, centro de treinamento e referência em Dermatologia e Laser.

Clínica Weiss | Hugo Weiss Dermatologista

ESCLARECIMENTOS IMPORTANTES: É importante ficar bem claro que a medicina não é uma ciência exata, e que os resultados podem variar, dependendo da região tratada, do tipo de pele, do tratamento empregado, do seu engajamento nos cuidados indicados e nas suas expectativas. Nós lhe garantimos que está consultando dermatologistas qualificados, com equipamentos e treinamento de ponta, que farão o possível para obter o melhor resultado. Informamos que as fotos utilizadas no site são meramente ilustrativas e fornecidas pelos fabricantes dos equipamentos.